Cuidados de saúde primários

Análise Especializada: Cuidados de Saúde Primários : reforçar e expandir

Este documento, realizado em parceria entre o Alto Comissariado da Saúde, o Instituto Superior de Economia e Gestão e Instituto de Medicina Preventiva da Faculdade de Medicina de Lisboa – Universidade de Lisboa, faz parte de um conjunto de estudos solicitados a peritos nacionais com consultoria internacional, sectoriais e/ou transversais e que foram alvo de discussões próprias em sede especializada e/ou pública.

Desenvolvimento organizacional dos Cuidados de Saúde Primários em Portugal - Inovação em políticas de saúde

Dado o contexto da reforma dos cuidados de saúde primários em Portugal, e da inovação em politicas de saúde que lhe está subjacente, é oportuna uma análise da reforma, através da identificação dos pontos críticos para a alavancagem da mudança. Como objectivos específicos, pretende desenvolver-se uma narrativa que permita análises posteriores para o acompanhamento da reforma dos cuidados de saúde primários e analisar os aspectos críticos que a curto, médio e longo prazo permitem interpretar melhor o processo de mudança, suas consequências e gestão. Pretendeu-se construir uma narrativa da reforma que teve início em 2005, que incide sobre o processo de mudança em curso, na vertente da decisão política, iniciativa da Missão para os Cuidados de Saúde Primários, resposta dos profissionais de saúde da área dos cuidados de saúde primários e manifestação de outros actores sociais relevantes para este processo.

O Futuro dos Centros de Saúde

Autor: 
Gisele Carvalho
Autor: 
Helena Lavouras
Autor: 
Isabel Andre

O futuro dos Centros de Saúde não deverá ser abordado sem se olhar para o passado e contextualizar o presente. A realidade é muito mais poderosa que a ilusão legislativa…

Cuidados de saúde primários 2000 - Contratualização com centros de saúde: a experiência portuguesa

A experiência portuguesa de contratualização tem sido dominada pelos hospitais. Este texto analisa as diferenças conhecidas ou previsíveis da contratualização com os centros de saúde quando comparada com a dos hospitais.

Cuidados de saúde primários 2000 - Contratualização com os centros de saúde na Região de Lisboa e Vale do Tejo

Autor: 
Antonio Luz

A experiência de contratualização com os centros de saúde por parte da Agência de Contratualização dos Serviços de Saúde da Região de Lisboa e Vale do Tejo, tanto no seu enquadramento estratégico como nos processos de contratualização adoptados, é aqui detalhada.
Faz-se uma apreciação global dos resultados desta experiência de contratualização para o período de 1996 a 2000.

Cuidados de saúde primários 2000 - Qualidade de cuidados de saúde primários

Autor: 
Luís Pisco

A qualidade na saúde tem algumas características que a diferenciam de outros sectores — é orientada para as necessidades, e não simplesmente para a procura, é de carácter pró-activo e é vista em conjunto com outros atributos dos cuidados de saúde. Neste contexto, o objective último de um sistema de qualidade é a melhoria contínua da qualidade em saúde.

Cuidados de saúde primários 2000 - Os cuidados de saúde primários e a medicina geral e familiar em Portugal

A adopção de sistemas retributivos melhor adaptados à prática da medicina geral e familiar, privilegiando o trabalho organizado em equipas multidisciplinares, baseando-se no princípio da «discriminação positiva» — pagar melhor a quem trabalhar melhor —, e a reorganização dos centros de saúde que se perspectiva («centros de saúde de terceira geração») podem constituir as bases de uma reforma estrutural do sistema de saúde necessárias para assegurar à carreira de clínica geral as condições de exercício que é possível encontrar hoje em muitos países europeus.

Cuidados de saúde primários 2000 - Padrão de prescrição de antibacterianos sistémicos nos centros de saúde da Região de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo

O objectivo deste trabalho é proporcionar uma primeira análise do padrão de prescrição de antibacterianos nos cuidados de saúde primários no que diz respeito tanto à quantidade como ao tipo de antibacterianos descritos.

Cuidados de saúde primários 2000 - Diabetes em cuidados primários

A diabetes mellitus é um grave e crescente problema de saúde pública, com onerosas complicações, quer individuais, quer comunitárias. Portugal tem um programa de saúde para este problema desde 1992, baseado na Declaração de St. Vincent. Num primeiro tempo as estratégias de intervenção, iniciadas nos cuidados primários de saúde, basearam-se na avaliação contínua da qualidade dos cuidados prestados (DiabCare). Mais tarde, no âmbito da «Estratégia de saúde (1998-2002)», o enfoque foi posto na promoção do papel activo do cidadão com diabetes (Guia do Diabético). O seu impacto, quer na organização dos cuidados, quer nos serviços de saúde, quer na comunidade, está dependente da adequada implementação e utilização pelos diabéticos, profissionais e responsáveis de saúde dos instrumentos agora postos à sua disposição.

Cuidados de saúde primários 2000 - De Alma-Ata a Harry Potter: um testemunho pessoal

Quando, finalmente, entendemos a importância dos cuidados de saúde primários, procuramos construí-los à maneira das antigas catedrais góticas dos velhos burgos medievais: desenhadas por poucos, construídas por alguns, frequentadas obrigatoriamente por todos os demais. Através de todo este esforço, aprendemos. Os cuidados de saúde primários acontecem todos os dias: quando as pessoas comuns aprendem ou fazem alguma coisa de útil à sua saúde e à dos que lhes estão próximos; sempre que comunicam com alguém habilitado a ouvi-los e apoiá-los sobre as suas dúvidas, medos, fantasias, angústias, preferências ou necessidades de saúde.
Para assegurar o reforço dos cuidados de saúde primários necessitamos de conhecimentos renovados, «teorias de acção» mais elaboradas, alguma sabedoria e muita imaginação.